Cânion do Xingó: Gruta do Talhado - Cânion do Xingó

Gruta do Talhado - Cânion do Xingó


Cruzando o Lago São José, a embarcação chega à Gruta do Talhado, que recebeu este nome porque os paredões de rochas areníticas parecem ter sido talhados à mão. Ali, a embarcação faz uma parada para banho e mergulho. Aproveite para sentar no atracadouro e apreciar o visual. No local há um pequeno santuário, onde fica a imagem de São Francisco.

Durante o percurso, muitas formações rochosas: a Pedra da Águia, cujo topo tem o formato da cabeça dessa ave; o Morro do Macaco, assim denominado porque foi habitat de um bando de macacos-prego antes do enchimento do reservatório; a Pedra do Japonês, uma bela formação rochosa que se assemelha ao rosto de um oriental; e a do Cruzeiro, que se parece com um homem montado em um cavalo.

Fonte: Jornalistas Simone Rodrigues/Ricardo Viana
Foto: A/D - Arquivo OpenBrasil.org

Cânion do Xingó - OpenBrasil.org
Página anterior Próxima página